Recursos Humanos Segurança

Caixa de medicamentos – é importante a empresa ter?

Caixa de medicamentos

De acordo com a legislação brasileira, não é permitido que as empresas disponibilizem uma caixa de medicamentos para os seus colaboradores. Isso ocorre devido a questões legais e de segurança que devem ser levadas em consideração. Nesse artigo iremos abordar quais são os riscos e quais são os problemas penais que sua empresa pode enfrentar ao disponibilizar uma caixa de remédios no ambiente de trabalho.

Há um Código Penal sobre disponibilizar caixa de medicamentos?

O Artigo 282 do Código Penal Brasileiro é uma medida de proteção da saúde pública, que visa garantir que apenas profissionais  possam realizar uma prescrição e administração de medicamentos. Isso se deve ao fato de que os medicamentos são produtos complexos que podem apresentar riscos à saúde, caso sejam utilizados de forma incorreta.

Portanto, a lei penal brasileira estabelece penas para quem exercer a medicina, odontologia e farmácia sem a habilitação legal obrigatória, incluindo a disponibilização de medicamentos em ambientes corporativos.

Anvisa

Já a Anvisa, como agência reguladora responsável pela segurança sanitária, estabelece regras rigorosas para o registro, distribuição e dispensação de medicamentos, buscando garantir a qualidade, segurança e eficácia desses produtos. A norma estabelece que apenas profissionais habilitados, como farmacêuticos e médicos, podem realizar a dispensação de medicamentos, o que inclui a distribuição de caixas de medicamentos em empresas.

É importante destacar que a disponibilização de uma caixa de medicamentos na empresa sem seguir as normas da Anvisa pode configurar uma prática ilegal, que pode acarretar em penas compensadoras para a empresa e seus responsáveis legais. Além disso, a empresa também pode ser responsabilizada civil e criminalmente por danos causados aos colaboradores.

Caixa de medicamentos

Portanto, é fundamental que as empresas cumpram rigorosamente as normas protegidas pela Anvisa e pela legislação penal brasileira em relação à disponibilização de medicamentos. A melhor opção para as empresas é investir em programas de saúde e prevenção de doenças, fornecer um plano de saúde adequado aos colaboradores, além de incentivar práticas saudáveis no ambiente corporativo.

Assim, os trabalhadores terão acesso a profissionais habilitados para realizar consultas, prescrições e tratamentos adequados, de acordo com suas necessidades individuais, garantindo a segurança e o bem-estar de todos.

Quais são os riscos?

Outro ponto importante a ser considerado é a responsabilidade da empresa em relação aos efeitos colaterais dos medicamentos. Mesmo que a empresa não esteja prescrevendo ou administrando os medicamentos, a disponibilização de uma caixa de remédios pode levar a casos de automedicação, o que pode resultar em problemas de saúde e ações judiciais.

A automedicação é um problema sério de saúde pública, pois pode levar a intoxicações, reações alérgicas, efeitos colaterais e até mesmo agravar os sintomas da doença. Além disso, a automedicação pode mascarar a gravidade de uma doença ou fazer com que o paciente vá à procura de um médico especializado.

Ainda que a empresa tenha como objetivo facilitar o acesso dos colaboradores a medicamentos de uso comum, a disponibilização de uma caixa de medicamentos pode trazer mais riscos do que benefícios. Afinal, os medicamentos são produtos complexos e exigem conhecimentos técnicos e científicos para serem utilizados de forma segura e eficaz.

banner teste sistema de ponto Ponto Online

Conclusão

Em conclusão, a disponibilização de uma caixa de medicamentos na empresa pode parecer uma alternativa prática e conveniente, mas representa um risco significativo para a saúde e segurança dos colaboradores, além de ser uma infração legal. A empresa deve investir em programas de saúde e prevenção de doenças, que possam oferecer aos colaboradores orientação sobre o uso correto dos medicamentos, cuidados com a saúde e qualidade de vida.

Além disso, é importante fornecer um plano de saúde adequado, que possa oferecer cobertura para consultas médicas, exames, tratamentos e procedimentos necessários. Dessa forma, a empresa estará cumprindo suas obrigações legais e se preocupando com o bem-estar dos colaboradores, o que pode resultar em um ambiente de trabalho mais saudável e produtivo. É importante lembrar que a prevenção é sempre a melhor opção,

Gostaria de conhecer outros artigos relacionados a esse? Acesse nossas categorias de Legislação trabalhista e Segurança e fique por dentro!

Author

Tayrone Mesquita

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress
Espere! Não vá embora ainda!

Ganhe 50% OFF no 1° mês do Sistema de Ponto + Implantação grátis!

Use o cupom: 50%PONTOONLINE e aproveite essa oferta exclusiva ao se inscrever agora mesmo. Não perca essa chance de economizar!

*Oferta válida apenas para novos assinantes e sistema RHID.